Montmartre em 360º

Montmartre em 360º

Montmartre é um bairro cheio de vida e caminhando por suas ruas e escadarias, sim escadarias, Montmartre é o bairro mais alto de Paris,  foi construído circulando uma colina de 130 metros de altura e abriga pontos famosos da cidade como a Igreja de Sacré-Coeur, Moulin Rouge, Espaço Salvador Dali e a Praça de Tertre em volta da qual as ruas são cheias de artistas, pintores, escultores, poetas, etc. E se não fosse o bastante ainda podemos achar um vinhedo na esquina das ruas des Saules e Saint Vincent. Passeie no texto e mergulhe nas 3 panorâmicas 360º, e quando for a Paris não esqueça de dar uma passadinha por lá.

Você pode chegar usando o metro, eu normalmente desço na estação Abbesses (outras opções são as estações Anvers e Pigalle) e caminho até Sacré-Coeur. A primeira parada é a Igreja Saint Jean l’Evangéliste (21 rue des Abbesses), esta igreja de 1904 é uma mescla de estilos, desde a arquitetura moura até o Art Nouveau e foi a primeira igreja construída em concreto armado em Paris, sendo sua fachada revestida com tijolinhos de cerâmica vermelha. Um dos destaques desta igreja é o orgão, construído em 1852 e instalado em Saint Jean l’Evangéliste em 1910.

vitral localizado atrás do altar da Igreja Saint Jean l’Evangéliste

Interior da Igreja Saint Jean l’Evangéliste

booking_paris

Espero que você tenha descansado bem, pois agora começamos a parte das subidas por ruas íngremes e escadas. Tome fôlego e vá em frente e se você cansar, repita em voz baixa: “Vai valer a pena, vai valer a pena” (mantra do turista fora de forma).

vista de uma das escadarias que nos levam colina acima

Escadarias em Montmartre

No alto da colina temos a Praça de Tertre onde encontramos uma grande concentração de bares, restaurantes e artistas. Local ideal para fazer um lanche, descansar e fazer umas comprinhas.

artistas na praça

Próximo a Praça de Tertre temos o Espaço Salvador Dali, que reúne mais de 300 quadros e esculturas do artista.

Espaço Salvador Dali

Seguindo em direção a Sacré-Couer encontramos a Igreja St Pierre de Montmartre, uma das mais antigas de Paris, resto da Abadia beneditina de Montmartre, fundada em 1.133 por Luiz VI e sua esposa Adelaide de Savóia. Escondida à sombra da famosa Sacré-Coeur acaba não fazendo parte dos roteiros turísticos. Eu mesmo a encontrei por acaso, mas não me arrependi de ter entrado para conhece-la.

portão igreja St Pierre de Montmartre

porta igreja St Pierre de Montmartre

música clássica na igreja St Pierre de Montmartre

Agora vamos seguir para Sacré-Coeur, está igreja é linda e mesmo a pequena visão de uma parte durante nossa caminhada é um espetáculo, como a visão da cúpula oval na foto abaixo.

do beco a caminho de Sacré-Coeur podemos ver a cúpula, segundo ponto mais alto de Paris, perdendo apenas para a Torre Eifel

banho de sol nas proximidades de Sacré-Coeur: Os parisienses não desperdiçam uma oportunidade para pegar um bronzeado

A igreja de Sacré-Coeur foi construída como pagamento de uma promessa feita por Alexandre Legentil e Rohault de Fleury durante a Guerra Franco-Prussiana em 1870. Com medo de verem Paris destruída pela Guerra eles prometeram construir uma Igreja dedicada ao Sagrado Coração caso paris fosse poupada de uma invasão. Apesar de ficar 4 meses sitiada, a cidade não foi invadida, sendo assim, em 1875 as obras foram iniciadas e a igreja foi concluída em 1914, quando outra guerra, desta vez a Primeira Guerra Mundial, impediu que ela fosse consagrada, o que ocorreu apenas em 1919 com o término do conflito.

vista em frente a Sacré-Coeur

estátua de Luiz IX em Sacré-Coeur

Domingo em Sacre-Couer,uma multidão de parisienses, artistas de rua e turistas invadem a área

Sacré-Coeur fervilhando no final de semana

interior de Sacre-Couér, infelizmente não é permitido fotografar e a igreja é cheia de seguranças para evitar que você faça algum clique…

artista de rua

artista de rua

Sacré-Coeur

escadarias de Sacré-Coeur

Quer ler mais? Visite nossa página sobre Paris.

Siga o Phototravel360 no Twitter – @phototravel360

Visite o Phototravel360 no Facebook – Phototravel360

Visite o Campos do Jordão 360 no Facebook – CamposdoJordão360

Assine o Phototravel360 por email – Phototravel360