A idéia da Vila Folclórica Coreana (http://www.koreanfolk.co.kr/folk/english) é dar aos visitantes uma visão da cultura do País através dos tempos. Lá encontramos comidas típicas, casas de cada período de tempo, móveis e ferramentas, e uma antiga prisão, alem de shows e danças folclóricas. É um passeio muito interessante e agradável e pode ser feito por toda a família.

O caminho é percorrido rapidamente em uma das modernas estradas que cortam o País em todas direções e a paisagem é tomada por construções de bairros inteiros e uma quantidade impressionante de guindastes se elevam do solo sobre as obras de prédios residenciais. Grupos de prédios formam novos quarteirões e conjuntos residenciais gigantescos. As pessoas querem morar cada vez mais perto de Seul e assim, para atender esta demanda bairros inteiros surgem do nada.

o horizonte Coreano sofre mudanças constantes devido aos novos prédios

Chegando lá temos, logo na entrada, uma mostra do que nos aguarda. No portão, Guardas vestidos com vestes tradicionais recepcionam os visitantes, enquanto grupos de turistas chegam para a visita.

portão principal do "Korean Folk Village"- Guarda Real e grupo de turistas

Nos primeiros metros da visita não perca o tradicional doce de mel. O preparo é um verdadeiro show. O animado vendedor trata a massa a base de mel como os chineses preparavam o macarrão, esticando e dobrando a massa diversas vezes até que o resultado sejam finos fios que são cortados e enrolados em pequenas esferas. O doce lembra um pouco o gosto de amendoim apesar do rapaz dizer que não faz parte da receita. Se quiser ver o preparo do doce, clique no link e veja este vídeo.

Honey candy

Esticando e dobrando a massa, o doce com fios finos é preparado rapidamente

O passeio pela Vila é como uma viagem no tempo, caminhando algumas horas por lá podemos ver a história e a cultura Coreana, contada em estátuas, totens, construções, artesanato e comidas típicas.

Potes de barros usados no passado para guardar comida e água

Quer fazer um pedido? Escreva em um papel e coloque na grande pedra

Cores e potes

Totens

Maquetes mostram a evolução da tecnologia da construção dos telhados ao longo do tempo

Moenda

Casa com telhado de palha e piso aquecido - o rigoroso inverno Coreano desafiou a criatividade deste povo, que criou um sistema em que a água quente sai de uma caldeira, passa por dutos sob o assoalho e retorna para a caldeira.

Detalhe da montagem do telhado com várias camadas de palha.

Detalhe do interior de uma casa

Cenas do passado 1

Cenas do passado 2

Cenas do passado 3

Aceita uma lula frita?

Outro ponto que chama a atenção é a preocupação com a educação, que é uma prioridade até hoje. As antigas casas eram divididas em duas alas: uma masculina e outra feminina, pois segundo a tradição as mulheres tiram a concentração dos estudos. Desta forma, enquanto os meninos eram educados em casa, as meninas aprendiam as prendas domésticas.

Pai educando o filho

Durante a visita é possível ver o exemplo de uma prisão e como os presos eram tratados. Como podemos ver rapidamente, este povo que viveu em guerra por dezenas de séculos não era muito complacente com seus criminosos, sendo assim, vemos vários instrumentos de tortura lá.

procura-se

A foto mostra guardas quebrando as pernas de um preso enquanto o povo assiste

Presos e imobilizados

Você também pode aproveitar para caminhar na beira do rio que corta a Vila, e assim respirar o ar puro e relaxar enquanto admira a arquitetura e beleza natural do local.

Ponte de pedra

Roda d'água

O dique de pedras represa o rio e serve de passarela

Você tem a oportunidade de ver shows e performance de acrobatas na Vila, é uma ótimo momento para sentar, relaxar e ver belas apresentações:

Arena

Show folclórico

Com sutis movimentos de cabeça os dançarinos fazem uma bela performance com a fita - clique na foto e veja um vídeo do show

Terminado o show folclórico é hora de ver o equilibrista andando na corda bamba.

O show vai começar

O tambor aumenta o suspense e dá ritmo à apresentação

Alguns ficam apreensivos, enquanto outros querem apenas fotografar

Andando na corda bamba

Quer ler mais sobre a Coréia do Sul?? Veja no link abaixo:

War Memorial de Seoul em 360 graus

 

Edson Maiero



Leave a comment